MACAU: Receitas dos casinos em queda levam Governo a acionar plano de corte de custos

PORTUGAL
Receitas dos casinos em queda levam Governo a acionar plano de corte de custos

Casinos com quebra de receitas há 15 meses consecutivos

As receitas acumuladas dos casinos de Macau atingiram os 158.880 milhões de patacas (17.660 milhões de euros) entre janeiro e agosto. O valor é inferior à meta estabelecida pelo Executivo de Macau para impor medidas de austeridade (20.000 milhões de patacas) , dando assim origem ao início de um plano de contenção de custos.

Para o desempenho das receitas observado nestes primeiros oito meses de 2015 contribuiram de forma decisiva os valores apurados em agosto. DE acordo com os dados divulgados pelo gabinete do Secretário para a Economia e Finanças, Lionel Leong, neste mês as receitas ascenderam a 18.621 milhões de patacas (2.069 milhões de euros), sendo este o 15º mês consecutivo de quebras homólogas.

Os mesmos dados mostram mesmo que as receitas brutas obtidas pelos casinos de Macau em agosto traduzem o terceiro prior resultado ao longo de 2015, sendo necessário recuar a janeiro de 2011 para encontrar um montante equivalente.

Estes resultados levaram já o secretário para a Economia e Finanças a anunciar o início de um plano de contenção de custos, com o qual o governo espera vir a poupar cerca de 1.400 milhões de patacas (155 milhões de euros) até ao final do ano.

“A partir de hoje, todos os serviços públicos e organismos especiais devem congelar 5% das despesas orçamentadas para a aquisição de “artigos para o funcionamento diário dos serviços ou de bens consumíveis”, e 10% do orçamento para investimento (sem incluir o Plano de Investimento e Despesas de Desenvolvimento da Administração, o chamado PIDDA).

Além deste congelamento, a Secretaria de Economia e Finanças impõe também que qualquer organismo que tenha registado um saldo excedente no seu primeiro orçamento suplementar veja esse valor deduzido ao montante de subsídios solicitado.

Apesar das medidas de austeridade anunciadas pelo Governo de Macau, de acordo com a página dos Serviços de Finanças, as contas públicas da Região Administrativa Especial chinesa estão, ainda assim, “saudáveis” com um saldo positivo de 27.185,2 milhões de patacas (3.020 milhões de euros) no final de julho.

Sendo uma Região Administrativa Especial da China, com autonomia administrativa, executiva e judicial, Macau tem uma economia assente no sector do turismo, especialmente no jogo em casinos.

Entretanto, a imprensa local avança nas edição desta terça-feira que durante o mês de agosto se assistiu ao encerramento de várias salas de jogo VIP. Citando a Associação de Mediadores de Jogos e Entretenimento de Macau, o Business Daily avança que foram oito as que encerraram portas, o que eleva para 40 a 50 o número de salas encerradas desde o início do ano. Algumas pertencem. segundo avança o jornal, à empresa de ‘junkets’ — angariadores de grandes apostadores — Golden Group.

Fonte: Dinheiro Vivo

hi

 DESDE 2004

JOGO REMOTO   Observatório do Jogo Remoto.   Jogo Responsável   Jogo Excessivo   Regulação   Fraude Desportiva.   Responsible Gambling
 
OJR   Visite o Observatório do Jogo Remoto … aqui
 
  Visite a nossa página no facebook … aqui

Related Posts

Leave A Response

Example Skins

dark_red dark_navi dark_brown light_red light_navi light_brown

Primary Color

Link Color

Background Color

Background Patterns

pattern-1 pattern-2 pattern-3 pattern-4 pattern-5 pattern-6

Main text color